A IMPORTÂNCIA DO TRABALHO DE CAMPO NAS SÉRIES INICIAIS DO ENSINO FUNDAMENTAL: “FIOS E DESAFIOS NO ENSINO DA CARTOGRAFIA ESCOLAR”

Alexander da Silva Lima

Resumo


O presente trabalho se propõe a analisar criticamente a importância do trabalho de campo no ensino de Geografia nas séries iniciais do Ensino Fundamental; tomaremos como exemplo as aulas de campo da Professora Esperança (nome fictício) em um quarto ano, realizadas no Município de Sumaré–SP. A Rede Municipal de Ensino de Sumaré–SP, conta desde 2008 com o Atlas Escolar de Sumaré, um material didático elaborado com a finalidade de promover ‘identidade e pertencimento’ por meio do conhecimento sobre o lugar (Sumaré). Assim, além de entender a importância do trabalho de campo nas aulas de geografia, procuramos entender também os fios e desafios encontrados no ensino de cartografia.

Palavras-chave


Trabalho de campo; Atlas Escolar; Prática Docente; Espaço Geográfico

Texto completo:

PDF

Referências


ALMEIDA, Rosângela D. Do desenho ao mapa: Iniciação cartográfica na escola. 4.ed. São Paulo: Contexto, 2006. ALMEIDA, Rosângela D; PASSINI, Elza Y. Espaço geográfico, ensino e representação. 14. ed. São Paulo: Contexto, 2006.

ALMEIDA, Rosângela D. Uma proposta metodológica para a compreensão de mapas geográficos. In: ALMEIDA, Rosângela D. (org). Cartografia escolar. São Paulo: Contexto, 2008.

ALMEIDA, Rosângela D; CABRINI, Conceição; GONÇALVES, Amanda R. Caminhos de um trabalho Colaborativo. In: ALMEIDA, Rosângela D; CABRINI, Conceição. (orgs). Sumaré na sala de aula: pesquisa colaborativa e experiências de ensino. Sumaré, SP: Prefeitura Municipal/Secretaria Municipal de Educação, 2008.

ANDRÉ, Marli Eliza D.A. Etnografia da Prática Escolar. 16. ed. Campinas, SP: Papirus, 2009.

CERTEAU, Michel de. A invenção do Cotidiano: 2. Morar, cozinhar. Petrópolis, RJ: Vozes, 1996.

CERTEAU, Michel de. A invenção do Cotidiano: 1 artes de fazer. Petrópolis, RJ: Vozes, 1999.

EDWARDS, Verônica. Os sujeitos no universo escolar. São Paulo: Editora Ática, 2003.

FERREIRA, Aurélio Buarque H. Novo dicionário Aurélio da Língua Portuguesa. 2. ed. Rio de Janeiro: Editora Nova Fronteira, 1986.

HALL, Stuart. A identidade na pós-modernidade.11. ed. Rio de Janeiro: DP&A, 2006.

LACOSTE, Yves. A geografia serve antes de mais nada para fazer a guerra. São Paulo: Papirus, 1984.

OLIVEIRA, Lívia. Estudo metodológico e cognitivo do mapa. In: ALMEIDA, Rosângela D. (0rg). Cartografia escolar. São Paulo: Contexto, 2008.

SANTOS, Milton. Metamorfoses do espaço habitado. São Paulo: Hucitec, 1998.

TOLEDO, Francisco A. Migração em Sumaré: o tempo do migrante. Guararema, SP: Anadarco Editora, 2009.

VYGOTSKY, Lev S. A construção do Pensamento e da Linguagem. São Paulo: Martins Fontes, 2010.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.