PROPOSTA DE MELHORIA DA FORMAÇÃO DE PROFESSORES DA EDUCAÇÃO BÁSICA ATRAVÉS DA INICIAÇÃO A DOCÊNCIA EM UM CLUBE DE CIÊNCIAS E CULTURA

Rubens Francisco Ventrici de Souza, Fabiane Elidia Dias

Resumo


O Clube de Ciência e Cultura do IFSP – Campus Sertãozinho propicia um ambiente alternativo de ensino, popularização da ciência e aperfeiçoamento de professores de ciências. Nele, estudantes do ensino fundamental e médio das escolas públicas da cidade de Sertãozinho e da região podem participar de projetos de iniciação científica infanto-juvenil, sob orientação de uma Equipe de Colaboradores que inclui professores e estudantes do Curso de Licenciatura em Química do IFSP – Campus Sertãozinho. Essa interação contribui positivamente para a educação científica de crianças e adolescentes e também para o desenvolvimento profissional de futuros professores de Ciências da Educação Básica. Os primeiros têm a oportunidade de vivenciar um processo de ensino-aprendizagem de ciências e cultura diferenciado daquele que normalmente é ministrado na escola, baseado em atividades e projetos que visam à iniciação científica e a cidadania crítica. Enquanto isso, estudantes de licenciatura têm a oportunidade de discutir fundamentos teóricos metodológicos relacionados à educação em ciências, elaborar material didático, estratégias educativas e participar ativamente de pesquisas na área de Educação em Ciências, tendo oportunidade de vivenciar a construção de uma nova/outra cultura de formação, que consiste em adquirir experiência profissional, atendendo um número significativo de crianças e adolescentes da comunidade, obtendo desenvolvimento e identidade profissional nopercurso da formação inicial.

Palavras-chave


Clube de Ciências e Cultura, popularização da c iência; formação de professores

Texto completo:

PDF

Referências


BERGER, P., BERGER, B. Socialização: como ser um membro da sociedade. In: FORACCHI,M.M., MARTINS,J. de S.(Org.). Sociologia e Sociedade. Rio de Janeiro: Livros Técnicos e Científicos, 1978.

CUNHA, Maria Isabel da. Aprendizagens significativas na formação inicial de professores: um estudo no espaço dos cursos de licenciaturas. Interface–Comunicação, Saúde e Educação. São Paulo(SP), v. 5, n. 9, p. 103-16, ago. 2001.

DAYRELL, Juarez. A escola como espaço sócio-cultural. Múltiplos olhares sobre a educação. Belo Horizonte: Editora UFMG, 1999.

KRASILCHIK, Myriam. O Professor e o currículo das ciências. São Paulo: EPU – Editora da Universidade de São Paulo, 1987.

NÉRICI, I. G. Atividades extraclasse no ensino de 1º, 2º e 3º graus. 3. ed. Rio de Janeiro: Livros Técnicos e Científicos, 1979.


Apontamentos

  • Não há apontamentos.